Programa de Pós-Graduação em Ciência Cirúrgica Interdisciplinar

instrumentos cirO Programa de Pós-Graduação em Ciência Cirúrgica Interdisciplinar da Escola Paulista de Medicina, de natureza sensu stricto, tem como objetivo o desenvolvimento científico-tecnológico e a formação e aprimoramento de docentes e pesquisadores, tendo titulado até junho de 2017, 210 mestres e 120 doutores.

Este Programa iniciou-se em 05.03.1975 (Parecer MEC 726/75), credenciado como Programa de Pós-Graduação em Gastroenterologia Cirúrgica. Em 2012, após o realinhamento do seu conteúdo temático, o Programa passou a se chamar Programa de Pós-Graduação em Ciência Cirúrgica Interdisciplinar. A escolha deste novo nome foi feita com base na concepção de um programa mais abrangente, com áreas de concentração mais específicas e compostas por linhas de pesquisa que traduzem um trabalho conjunto, de modo interdisciplinar, constituído por pesquisadores de várias áreas do conhecimento em cirurgia, que desenvolvem investigação tanto experimental como clínica propriamente dita.
As atividades desenvolvidas incluem Programa de Pós-Doutorado, que conta atualmente com seis pesquisadores, todos envolvidos no desenvolvimento de projetos de pesquisas originais sob a responsabilidade de supervisores docentes do Programa.
Para o alcance destes objetivos, foi estruturado um currículo de atividades acadêmicas e de disciplinas da área de concentração e do domínio conexo, com o intuito de despertar no pós-graduando o interesse pela avaliação crítica da informação científica e, principalmente, o conhecimento das ferramentas epidemiológicas clínicas necessárias à elaboração de pesquisa científica e a sua divulgação.
O envolvimento direto dos alunos em atividades como a preparação de apresentações, manifestações críticas sobre projetos de investigação científica, temas de metodologia e de desenvolvimento de pesquisa científica são precocemente incentivados, dentro de um programa elaborado anualmente e constantemente renovado. A estrutura disciplinar em módulos de linhas de pesquisa do programa constitui o eixo central de desenvolvimento de todas estas atividades.
Além disso, a integração com as atividades interdepartamentais na UNIFESP-EPM e interinstitucionais têm permitido o desenvolvimento de pesquisas com tecnologias sofisticadas de imagem, procedimentos laboratoriais de análise da expressão de estruturas moleculares e métodos modernos de estudos funcionais dos diversos aparelhos.
Durante esse período, vários convênios formais de cooperação científica foram implementados, o que permitiu o desenvolvimento de núcleos de pesquisas em outras instituições, tais como a Universidade Federal do Pará, Universidade Estadual de Alagoas, Universidade Federal de Alagoas e Fundação Pio XII – Hospital de Câncer de Barretos, SP, Universidade Federal do Maranhão, Universidade Federal de Grande Dourados, entre outras instituições em nosso País. Além disso, tem sido desenvolvidas atividades de cooperação internacional com renomadas instituições internacionais, tais como University of California (Prof. Marco G. Patti), Hôpital Paul Brousse – Université Paris XI (Prof. René Adam), Institut Henri Bismuth (Prof. Henri Bismuth), University Hospital Zurich-Division of Visceral and Transplant Surgery (Prof. Pierre Alain Clavien), Seoul National University Hospital (Prof. Hee Won Jung e Jae-Hoon Song), Université Pierre et Marie Curie e Hôpital Saint Antoine, Paris (Prof. Olivier Soubrane ) e University of Pittsburg.

© 2013 - 2017 Universidade Federal de São Paulo - Unifesp

Rua Napoleão de Barros, 610 - Vila Clementino – São Paulo – SP • pgccid@unifesp.br